segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

10 coisas que você devia aprender sobre o mar Mediterrâneo



Assim como o Mar Báltico, o Mediterrâneo não é um oceano, mas um braço do Oceano Atlântico. Detalhe: ele é mais salgado, denso e quente do que o Oceano Atlântico.

O Mar Mediterrâneo é o maior mar continental do mundo. Ele banha três continentes: Ásia, África e Europa.

Sessenta e nove rios desaguam no Mar Mediterrâneo, entre eles o Tibre, o Ebro, o Ródano, o Pó e o maior deles, o Nilo.

O Mar Negro é um braço do Mediterrâneo. Ele recebeu esse nome por causa das suas águas escuras. O Negro banha a Bulgária, Romênia, Ucrânia, Rússia e Geórgia.

A profundidade média do Mediterrâneo gira em torno de 1.400 metros, mas pode chegar a mais de 5.000 metros em alguns pontos. 

Os romanos chamavam o Mediterrâneo de Mare Nostrum (Nosso Mar) e não sem motivos: todas as terras em volta dele foram um dia parte do imenso Império Romano.

Além dos romanos, diversas civilizações viveram ao redor do Mediterrâneo: fenícios, egípcios, gregos, cretenses, hititas, macedônios, cartagineses e árabes, entre outras.

As ilhas e praias do Mediterrâneo são alguns dos principais destinos de cruzeiros do mundo. A costa da Itália, da Grécia, da França, da Turquia, da Espanha recebem centenas de navios de cruzeiros todos os anos, principalmente durante as estações mais quentes – de maio a agosto.

As famosas ilhas gregas são formadas por 6 000 ilhas distribuídas pelos mares Egeu e Jônio. Apenas 247 dessas ilhas são habitadas. As mais famosas são Mikonos, Eubeia, Santorini, Creta, Delos, Lesbos e Patmos.

O Mediterrâneo detém o nada honroso posto de mar mais poluído do planeta. Por volta de 15 milhões de toneladas de detritos são despejados por ano nas outrora límpidas águas que banham o sul da Europa e norte da África. Detalhe: grande parte dessa “sujeira” é provocada pela atividade turística.

Para mais curiosidades e informações sobre esse assunto, acesse: Mais Que Curiosidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário