quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

10 curiosidades sobre o livro que você não pode deixar de ler



Os países que mais compram livros no mundo são, pela ordem: China, Estados Unidos, Japão, Rússia e Alemanha.

O país com o maior número de livrarias são os Estados Unidos, com uma para cada 15 mil pessoas. No Brasil, existe uma para cada 70 mil habitantes.

Os livros mais vendidos de todos os tempos são, por ordem: Bíblia, O Peregrino (autor: John Bunyan), O Livro Vermelho (de Mao Tsé-Tung), Alcorão e Dom Quixote (de Miguel de Cervantes).

O livro mais caro do mundo chama-se The Birds of America (Os Pássaros da América), uma variada coletânea de ilustrações de pássaros feitas por John James Audubon, um naturalista do século XIX. Ele foi arrematado num leilão por 11,5 milhões de dólares.

A maior biblioteca do mundo atualmente é a biblioteca do Congresso dos Estados Unidos, com mais de 144 milhões de itens diferentes, disponíveis em cerca de 470 idiomas. Acredite se quiser, mas ela possui “apenas” 32 milhões de livros catalogados.

A maior biblioteca do Brasil é a Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro, com mais de 9 milhões de itens.

Na Idade Média, os livros eram produzidos por monges copistas que, como o própria nome indica, copiavam os manuscritos página por página. Detalhe curioso: muitos monges copistas eram analfabetos.

O primeiro livro impresso foi a Bíblia de Johannes Gutenberg, em  455. O primeiro impresso em português foi o Pentateuco – reunião dos cinco primeiros livros da Bíblia -, em Algarve, Portugal, em 1487.

Acredita-se que a Bíblia tenha sido escrita ao longo de 1.600 anos por cerca de 40 homens das mais diversas profissões, origens culturais e classes sociais.

A Bíblia foi traduzida para 1.134 línguas e dialetos. São vendidas 47 bíblias por minuto no mundo.

Para outras informações e curiosidades sobre esse assunto, acesse: Mais Que Curiosidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário