sábado, 3 de dezembro de 2016

10 notas e informações curiosas sobre as fezes



Entre 150 e 450 gramas de fezes, é o que uma pessoa produz diariamente. Cinquenta por centro do conteúdo das fezes humanas é constituído de bactérias.

Você sabia que o cheiro ruim do cocô é produzido pelos compostos sulfurosos das bactérias presentes nele? Quantas bactérias? Não se sabe exatamente, a única certeza é a de que são entre 150 a 500 tipos de bactérias. Por falar nisso…

Sabe o que dá cor às fezes? É uma substância chamada estercobilina, formada no final da digestão. A estercobilina é resultado da oxidação de um produto da digestão da bílis chamado estercobilinogênio.

É verdade que o odor e a cor das fezes podem indicar se a pessoa tem determinadas doenças? Sim. Odor insuportável pode ser sinal de problemas como fibrose cística, pancreatite e infecções do aparelho intestinal. Quando à variação na cor…

Fezes com cor preta podem ser provocadas por alimentos ricos em ferro, mas também podem ser sinal de hemorragias. Muito amarelas, podem indicar problemas no pâncreas. Verdes resultam da ingestão de vegetais folhosos verdes ou são resultado de problemas como diarreia. Brancas ou cinzas indicam possíveis problemas no fígado como bloqueio no canal que expele a bílis. Vermelhas podem ser indício de hemorragias no trato digestivo inferior. Se você notar alterações na cor da fezes, converse com seu médico imediatamente.

Sangue nas fezes pode ser indício de problemas como fissuras, hemorroidas, ulcerações ou (atenção!) problemas mais graves como câncer. As causas mais comuns de sangramento são as fissuras anais e as hemorroidas. Seja qual for o caso, procure o médico com urgência. 

A presença de muco é normalmente indício de inflamação no intestino, sendo a mais comum a SII, Síndrome do Intestino Irritável. A SII não é uma doença que se possa chamar de grave, mas mesmo assim agende uma visita com seu médico.

O que faz as fezes flutuarem são as bolhas de ar e as gorduras. 

Pode algum alimento tornar as fezes mais fedidas? Sim, vários alimentos ajudam a aumentar o fedorzinho e um deles é a carne.

O profissional que estuda as fezes chama-se icnólogo e o especialista em ânus, reto e intestino é chamado de proctologista.

Veja mais informações e curiosidades sobre esse assunto em: Mais Que Curiosidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário