quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

10 curiosidades sobre o maior dramaturgo da história: William Shakespeare



William Shakespeare (1564-1616) nasceu em Strafford-upon-Avon, na região de Birmingham, sul Inglaterra. Com apenas 23 000 habitantes, a cidade recebe anualmente milhões de turistas ávidos por visitar propriedades como a casa onde o dramaturgo nasceu e a igreja onde foi batizado e enterrado.

Considerado o maior gênio da literatura em língua inglesa, Shakespeare escreveu 37 peças teatrais – somando 10 tragédias, 10 dramas e 17 comédias – e 154 sonetos.

Como a ortografia inglesa não estava estabelecida na época do dramaturgo, ele era chamado de Shaxspere, Shagspere, Shackespeare, Shake-Speare e Shakespeare.

Shakespeare não só escrevia como “vendia” versões impressas de suas peças de teatro – na verdade, elas eram vendidas sem sua autorização. É que, além de assistir as peças, o público tinha o hábito de lê-las.

Na época de Shakespeare, os teatros eram prédios de madeira circulares e abertos no teto. O maior dele, o Globe, onde o dramaturgo trabalhou, tinha 3 mil lugares.

Com o tempo, criaram-se inúmeras especulações sobre a autoria das peças de Shakespeare. Uma delas, apontava o também dramaturgo Christopher Marlowe como o autor. Outra ainda mais absurda indicava o filósofo Francis Bacon como o verdadeiro criador.

O fato é que existiam enredos parecidos com o de Romeu e Julieta antes de Shakespeare. O grego Xenofonte, o britânico William Paynter e o italiano Luigi da Porto teriam escrito histórias semelhantes. Conta-se também que ocorreu um drama real parecido na cidade italiano de Verona, em 1303. Aliás, você sabia que as famílias italianas Capeletti e Montecchi realmente existiram?

Sabia que até o final do século XX foram produzidos mais de 400 filmes baseados nas obras de Shakespeare?

A obra do dramaturgo inglês foi estudada e discutida por diversos intelectuais, entre eles Arthur Schopenhauer, Sigmund Freud, Goethe e o brasileiro Machado de Assis.

Ao contrário das demais luas do Sistema Solar, que receberam nomes de seres mitológicos, os satélites do planeta Urano foram batizados com nomes de personagens de peças de Shakespeare. Entre esses nomes estão Miranda, Cordélia, Ofélia, Desdêmona, Titânia e Rosalinda.

Veja outras curiosidades sobre esse assunto em: Mais Que Curiosidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário