terça-feira, 1 de novembro de 2016

10 interessantes curiosidades sobre Gengis Khan e o império mongol



Conquistado em apenas 75 anos, o império mongol de Gengis Khan e descendentes foi o maior em extensão de que se tem notícia, indo do Oceano Pacífico ao Mar Cáspio.

Gêngis Khan não é um nome, mas um título cujo significado seria algo como “soberano supremo”. Mas…

Gengis Khan era mais conhecido entre os mongóis como Cinggis Khan, título que significa “Chefe Oceânico”.

O nome verdadeiro de Gengis Khan era Temudjin.

Temudjin nasceu em uma Mongólia dividida em clãs, cada um governado por um “cã” (senhor) que se impunha tanto pela descendência nobre como pela mais pura força.

O pai foi assassinado pelos tártaros quando Temudjin contava apenas 9 anos de idade. Curiosamente, foi entre os tártaros que Gengis Khan recrutou boa parte de seus guerreiros.

Os mongóis sempre foram cavaleiros e arqueiros habilidosos. Até hoje, as artes da montaria e do arco e flecha são valorizados pelos descendentes de Gengis Khan.

Chamar o exército mongol de cruel é pouco. Com exceção dos homens mais habilidosos e com funções que podiam ser úteis para o império, eles matavam quase todos os habitantes das cidades conquistadas. A população de Bukhara, no atual Usbequistão, foi massacrada. O mesmo ocorreu em Samarcanda, Heart e Ghazni. Em Bagdá (Iraque) e Delhi (Índia) quase todos os habitantes foram mortos.

Reza a lenda que todas as pessoas envolvidas no enterro de Gengis Khan foram assassinadas para que ninguém descobrisse o local onde o líder foi enterrado. De fato, ninguém sabe onde repousam os restos mortais do antigo líder. 

Estudos realizados em 2002 revelaram que 8% da atual população do império mongol é descendente de Gêngis Khan.

Mais informações: Mais Que Curiosidades

Nenhum comentário:

Postar um comentário